Domingo, 21 de Outubro de 2018

O Repórter

Danilo Gentili dá o tom de comédia no filme 'Mato sem Cachorro'

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Rafael Max - 03 de outubro de 2013 às 06:00 (Atualizada em 03 de outubro de 2013 às 16:09)

RIO DE JANEIRO (O REPÓRTER) - Fazer comédia é algo sério. Afinal, quem produz filme do tipo tem que acertar em cheio nas situações que apresentam para gerar o mais óbvio, que são as gargalhadas do espectador que pagou o ingresso para ir ao cinema. "Mato Sem Cachorro" é mais um que surgiu da "avalanche" das obras de comédia no Brasil, que se tornou um dos gêneros predominantes por aqui. A produção é dirigida por Pedro Amorim e tem em seu elenco Leandra Leal, Bruno Gagliasso e Danilo Gentili. A estreia está marcada para esta sexta-feira (4).

A trama começa quando Deco (Gagliasso) quase atropela um cachorro. Nesse momento, ele conhece Zoé (Leal) e essa situação acaba unindo os dois. O casal adota o cão, que recebeu o nome de Guto. O animalzinho é bastante esquisito, pois ele desmaia toda vez que fica animado.

Após dois anos, Deco acaba levando um pé na bunda de Zoé e fica distante do cachorro. Além disso, está desempregado e com graves problemas financeiros. Para piorar, o personagem vê a ex-namorada com outro homem.

Querendo tomar as rédeas da situação, Deco sequestra o cachorro com a ajuda do primo Leléo (Gentili). Só que o personagem acaba percebendo que ama Zoé e tenta de alguma forma reverter a besteira que fez.

Coadjuvante de luxo no filme, Danilo Gentili acaba sendo a principal veia cômica na história. Logo nas primeiras cenas ao lado de Deco, ele emenda vários palavrões nas frases, o que pode deixar o Pistoleiro Papaco, personagem do famoso filme "Um Pistoleiro Chamado Papaco", da década de 80, com muita inveja. O apresentador do "Agora é Tarde" garante boas risadas em praticamente todos os diálogos com o personagem de Bruno Gagliasso.

Além de Gentili, "Mato sem Cachorro" ainda conta com a presença dos comediantes Rafinha Bastos e Paulinho Serra. Eles, porém, fazem apenas participações.

Quem também deu as caras no filme é a cantora Sandy, que faz o papel dela mesma. Na história, a artista processa Deco por ele tê-la flagrado em uma blitz da Lei Seca para depois fazer um vídeo-montagem em ritmo de funk com os momentos dela enquanto era abordada pelos agentes.

Tirando as partes cômicas, "Mato sem Cachorro" tem uma história romântica com aqueles clichês que todo mundo sabe. O final é previsível, mas dá para garantir algumas risadas.

"Mato sem Cachorro" garante risadas em várias cenas, apesar da história central não ser o principal ponto cômico. É uma boa pedida para quem quiser ver a estreia de Danilo Gentili nos cinemas.

"Mato Sem Cachorro"
Nota de O REPÓRTER: 7
Ano de lançamento: 2013
Duração: 122 minutos
Gênero: Comédia
Direção: Pedro Amorim
Atores: Leandra Leal, Danilo Gentili, Leticia Isnard, Bruno Gagliasso, Marcelo Tas, Angela Leal, Enrique Diaz, Rafinha Bastos, Sidney Magal, Elke Maravilha e Fausto Fawcett

Veja o trailer:

Tags:
Mato sem Cachorro, Cinema
  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: