Quarta, 30 de Julho de 2014
Carregando...

O Repórter

Secretário do Ambiente do Rio quer mais segurança na exploração de petróleo

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Redação.. - 20 de março de 2012 às 21:55

RIO DE JANEIRO (Agência Brasil) - O secretário do Ambiente do Rio, Carlos Minc, quer mais segurança e transparência nas operações de exploração de petróleo no estado. Ele encaminhou hoje (20) ofício ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), à Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e à Polícia Federal (PF) detalhando pontos que devem ser seguidos nos trabalhos de exploração, para evitar acidentes e garantir maior segurança ambiental.

Minc solicitou providências e mudanças na apresentação de estudos geológicos e riscos associados, na definição de empresas responsáveis pelo Plano de Emergência Individual (PEI) e no monitoramento das áreas exploratórias por meio de imagens de satélites.

Amanhã (21) o secretário se reunirá com o delegado do Meio Ambiente e Patrimônio Histórico da Polícia Federal, Fábio Scliar, para discutir as investigações sobre o novo derramamento de óleo no Campo do Frade, na Bacia de Campos, em área explorada pela Chevron.

A ANP divulgou nota pedindo o aprofundamento das investigações na região, após reunião do comitê de avaliação formado pela ANP, Chevron, Petrobras e Frade Japão, tendo o Ministério de Minas e Energia como observador.

“Foi pedido às concessionárias o aprofundamento dos estudos sobre a área em que foi identificado afloramento no dia 15/3. O sobrevoo realizado hoje (20) pela Marinha comprovou que a mancha da fina camada de óleo na área de Frade está se reduzindo”, destaca a ANP em trecho da nota.

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem:
Selo 220x90