Domingo, 22 de Setembro de 2019

O Repórter

Flamengo se impõe fora de casa e vence o Corinthians na Copa do Brasil

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Rafael Max - 15 de maio de 2019 às 23:45
Alexandre Vidal/Flamengo
Arão marcou para o Flamengo e garantiu a vitória em cima do Corinthians

RIO (OREPORTER.COM) - O Flamengo jogou fora de casa e saiu com a vitória diante do Corinthians nesta quarta-feira (15). A equipe rubro-negra fez a sua estreia na competição já nas oitavas de final e foi até o Itaquerão para arrancar uma vitória por 1 a 0. Willian Arão foi o autor do único gol do rubro-negro.

Quem começou o jogo atacando foi o Corinthians, que partiu ao campo de ataque. Mesmo assim, o Flamengo pressionava na defesa e frustrava o Timão quando os donos da casa tentavam finalizar. 

Já o rubro-negro deu perigo quando conseguiu sair ao ataque. Aos 13, Arrascaeta mandou o cruzamento, e Léo Duarte cabeceou para bem perto do gol.

A partida se arrastou com poucas chances de gol. O duelo se concentrou no meio de campo, e as duas equipes disputavam a bola para tentar sair ao ataque. O Timão buscou de impor, mas ainda faltava conseguir uma boa finalização para cima do goleiro Diego Alves. Por sua vez, o Flamengo ainda conseguiu uma tentativa aos 29, quando Bruno Henrique recebeu a bola dentro da área e tocou para Everton Ribeiro. O meia encarou a marcação, mas chutou fraco para a defesa de Cássio.

Aos 34, mais uma tentativa do Flamengo. Bruno Henrique recebeu a bola e arriscou de longe, mas a redonda foi para fora.

O Flamengo comandou a posse de bola na reta final do primeiro tempo. Arrascaeta puxava as jogadas de ataque na busca por Bruno Henrique, mas o primeiro tempo ficou zerado no Itaquerão.

Na segunda etapa, o Flamengo voltou buscando encontrar espaços para cima do Corinthians. A partida demorou para ganhar emoção, sendo que o Corinthians foi aparecer no ataque aos 19, em jogada iniciada por Vagner Love. O atacante entregou para Danilo Avelar, que chutou para a defesa de Diego Alves.

Aos 21, o Flamengo conseguiu grande chance. Pará recebeu a bola de Everton Ribeiro e cruzou para Bruno Henrique, que chutou para fora.

O Corinthians equilibrava o jogo, dando trabalho ao goleiro rubro-negro. Aos 24, Clayson tocou para Jadson, que chutou e provocou a defesa de Diego Alves. 

A resposta do Flamengo veio aos 26. Diego fez o passe para Bruno Henrique dentro da área. O atacante tentou, mas Cássio evitou que o time carioca marcasse.

O goleiro corintiano não resistiu aos 33. Bruno Henrique recebeu a bola, mandou o cruzamento para Willian Arão, que supreendeu Cássio ao mandar uma cabeçada certeira. 1 a 0 para o Flamengo.

Mesmo em vantagem, o Flamengo não se preocupou em ficar só na defesa. A equipe rubro-negra tentou fazer  segundo aos 38, com um chute rasteiro de Bruno Henrique defendido por Cássio. 

Aos 40, Pedrinho quase empatou. O jogador recebeu a bola na entrada da área e chutou, mas Renê tirou a bola de cabeça e evitou que o Timão igualasse o marcador.

O duelo permaneceu movimentado na reta final. O placar, porém, não foi mais alterado e a vitória ficou com o Flamengo.

Vantagem

O Flamengo garantiu a vantagem do empate para o jogo de volta, que será realizado no dia 4 de junho, no Maracanã. Pelo Campeonato Brasileiro, o rubro-negro volta a jogar neste sábado (18), às 19 horas, contra o Atlético-MG, no Independência. No dia seguinte, às 16 horas, o Corinthians encara o Athletico Paranaense, na Arena da Baixada.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X FLAMENGO

Local: Itaquerão, em São Paulo (SP)
Árbitro: Anderson Daronco (Fifa-RS)
Assistentes: Guilherme Dias Camilo (Fifa-MG) e Rafael da Silva Alves (RS)
VAR: Leandro Vuaden (RS)
Cartões amarelos: Henrique, Clayson (COR); Éverton Ribeiro (FLA)

Gols: Willian Arão (FLA)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf, Junior Sornoza (Júnior Urso) e Mateus Vital (Pedrinho); Vágner Love, Boselli (Jadson) e Clayson. Técnico: Fábio Carille

FLAMENGO: Diego Alves; Pará, Rodrigo Caio, Léo Duarte e Renê; Gustavo Cuéllar, Willian Arão, De Arrascaeta (Diego) e Everton Ribeiro (Lincoln); Bruno Henrique e Gabigol (Vitinho). Técnico: Abel Braga

  • Compartilhar
  • Compartilhar por e-mail
  • Reportar um erro
Deixe seu comentário
Mensagem: