O Repórter

Campanha aumenta em 35% doações de sangue no Hemorio

Por OREPORTER.COM
29 de setembro de 2021 às 18:44
Atualizada em 29 de setembro de 2021 às 18:45
Compartilhe a notícia:
Marcos de Paula / Prefeitura do Rio

RIO (OREPORTER.COM) - A campanha “Sangue é Vida” do Hemorio, lançada na última terça-feira (21), já apresenta seus primeiros resultados positivos, um aumento de 35% no número de doações realizadas diretamente na unidade.

Com a proposta de converter doações de sangue em novas árvores para a cidade, a iniciativa já contabiliza mais de 2,3 mil mudas que serão plantadas nas regiões menos arborizadas do Rio. A campanha vai até o dia 04 de outubro.

Na primeira semana de campanha, entre 20 e 27 de setembro, foram registradas 2.328 doações, um aumento de 35% comparado ao mesmo período de 2020 que registrou 1.731 coletas.

O diretor-geral do Hemorio, Luiz Amorim observou que são necessárias pelo menos 300 novas bolsas de sangue por dia para atender a demanda dos pacientes do estado.

Quem pode doar


Para doar sangue, é preciso ter entre 16 e 69 anos, pesar no mínimo 50 kg, estar bem de saúde e portar um documento de identidade oficial com foto. Jovens com 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais e devem portar ainda um documento de identidade do responsável.

Não é necessário estar em jejum, apenas evitar alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação e não ingerir bebidas alcoólicas 12 horas antes.

Os voluntários não podem ter tido hepatite após os 10 anos, nem estar expostos a doenças transmissíveis pelo sangue (sífilis, AIDS, hepatite e doenças de chagas). Mulheres grávidas ou amamentando e usuários de drogas não podem doar sangue.

Os homens podem doar de 2 em 2 meses, até 4 vezes ao ano e as mulheres podem doar de 3 em 3 meses até 3 vezes ao ano.

O Hemorio funciona de segunda a segunda, incluindo feriados, de 7h às 18h, na Rua Frei Caneca nº8, no Centro.

Últimas de Rio