O Repórter

Muros de São Januário amanhecem pichados em protesto contra a 777

Vasco vem de resultados ruins no Campeonato Brasileiro

Por Rafael Max
30 de abril de 2024 às 11:08
Atualizada em 30 de abril de 2024 às 11:24
Compartilhe a notícia:
Reprodução
Protesto dos torcedores do Vasco nesta terça-feira
Protesto dos torcedores do Vasco nesta terça-feira

RIO - Os muros do Estádio de São Januário, do Vasco, amanheceram pichados em protesto contra a 777 Partners, dona da SAF (sociedade anônima de futebol) do clube. As inscrições foram feitas na madrugada desta terça-feira (30).

As pichações faziam refereência à empresa e a Lúcio Barbosa, CEO do Vasco da Gama. Os muros também receberam adesivos contra a SAF do Vasco.

O clima do Vasco é de protesto desde a goleada sofrida no último sábado, contra o Criciúma. A derrota ocasionou a demissão de Ramón Díaz no comando técnico do cruzmaltino.

Na segunda-feira (29), torcedores do Vasco fizeram protesto no CT Moacyr Barbosa, onde cobraram jogadores e a diretoria sobre o atual momento do time.

O Vasco encerrou a rodada na 17ª posição, dentro da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O cruzmaltino joga nesta quarta-feira, às 19 horas, contra o Fortaleza, pela Copa do Brasil.

Últimas de Futebol